sexta-feira, 22 de janeiro de 2010

confissão primeira

Portrait de Stéphane Mallarmé, Manet


aquele elogio aos meus olhos
deixou-me profundamente tocado
eis o resultado, meu bem
este singelo poema para ser lido e admirado

4 comentários:

  1. Significa que - uma vez que este poema não está grafado em braile, não são cegos os olhos do teu verso e que admiraram os teus.
    abraços

    ResponderExcluir
  2. Elogios nos deixam animados como wisk e não estragam o fígado!

    ResponderExcluir